_______________________________________E se esvai no momento seguinte...

segunda-feira, 30 de abril de 2012

A menina da capa laranja

Era uma vez uma menina de olhos dourados e cachinhos negros, pertencia a um povo há muito esquecido do Hemisfério Sul e estudava para ser uma sacerdotisa. Vivia no longínquo Monte da Lua Vermelha, que ficava na cadeia de montanhas de Dornfall.

Certo dia, enquanto percorria os arredores do templo onde orava, ela notou algo diferente enroscado em uma árvore, em uma trilha pouco utilizada. Aproximou-se lentamente com um certo receio e encontrou uma capa de viagem, dupla face, um lado era laranja e outro era preto. Curiosa, ela jogou a capa sobre os ombros com o lado preto encostando em sua pele, ou seja, o lado laranja era visível a milhas de distância.

Logo que ajeitou o capuz, uma alegria incomum a invadiu: sentiu vontade de brincar, dançar, se vestir de flores, sorrir e espalhar amores. E foi isto que fez, começou a caminhar até a aldeia mais próxima, depois outra, depois a que se encontrava mais além... Espalhou felicidade para todos nas mínimas coisas, criaram lendas para tamanha bem aventurança até os confins do mundo.

Mas a curiosidade não a abandonara assim tão facilmente, em  uma noite de lua nova perto da chegada do inverno ela decidiu experimentar o outro lado da capa de viagem...

Nenhum comentário:

Postar um comentário